<$BlogMetaData$>

domingo, junho 18, 2006

77. PAIXÃO


Tu eras aquela que eu mais queria
para me dar algum conforto e companhia
era só contigo que eu sonhava andar
para todo o lado e até quem sabe ? Talvez casar

Aí o que eu passei só por te amar
a saliva que eu gastei para te mudar
mas esse teu mundo era mais forte do que eu
e nem com a força da música ele se moveu

(Refrão)

Mesmo sabendo que não gostavas
empenhei o meu anel de rubi
para te levar ao concerto
que havia no rivoli

Era só a ti que eu mais queria
ao meu lado no concerto nesse dia
juntos no escuro de mão dada a ouvir
aquela música maluca sempre a subir

Mas tu não ficaste nem meia-hora
não fizeste um esforço para gostar e foste embora
contigo aprendi uma grande lição
não se ama alguém que não ouve a mesma canção

(Refrão)

Foi nesse dia que percebi
nada mais por nós havia a fazer
a minha paixão por ti era um lume
que não tinha mais lenha por onde arder
Carlos Tê / Rui Veloso

Etiquetas:

"DOMINUS VOBISCUM"
    Publicado por Pedro Nobre ás 03:21   2 REFLEXUS

2 Comments:

At terça-feira, junho 20, 2006 4:17:00 da tarde, Anonymous pensamentos do joão said...

Há grande rui veloso....
é bom ver te cá de novo ;)
tem uma boa semana pedro ;)
um abraço ;)
e sorri... :)

 
At terça-feira, junho 20, 2006 10:49:00 da tarde, Blogger Å®t_Øf_£övë said...

Pedro,
Há músicas que superam todas as barreiras do tempo, e que se tornam imortais. Está do Rui Veloso é um exemplo disso mesmo.
Abraço.

 

Enviar um comentário

<< Home